Mãe, Como Organizar a Rotina da Casa para Viajar Sozinha

Eu me considero uma pessoa bem flexível e com uma boa capacidade de resiliência, que permite eu me adaptar rápido a mudanças e aceitar o que não está sob meu controle. Porém, confesso que a minha viagem para Londres me deixou tensa em relação ao controle que tenho com os cuidados e a rotina das crianças.

Meu marido é um pai super participativo. É ele quem, na maioria dos dias, busca na escola, dá banho, escova os dentes, coloca para dormir. Quando preciso ele leva na natação, ele prepara o café da manhã, ele ajeita as mochilas. Faz o que precisar ser feito, inclusive me apoiar em uma viagem tão bacana e assumir todos os cuidados e responsabilidades da Nina e do Luli durante minha ausência.

Mas não tem jeito, o controle de tudo isso está comigo. Quem sabe onde está o uniforme, a roupa de passear e a de ficar em casa, os lanches que vão para os passeios, na lancheira, na mochila da natação, o que vai na mochila da escola, na da natação, o dia do judô de cada um, o jeito “certo” de pentear o cabelo, a roupa adequada para aquela temperatura… enfim! Tenho certeza absoluta que muita gente vai se identificar com essas palavras.

Uma coisa é você dar aquela desencanada e deixar o barco correr um dia, uma manhã, um final de semana. E vou ser bem sincera em dizer que pensar que por 10 dias as coisas não estariam sob meu controle, que eu não estaria ali para dar aquela fiscalizada no cabelo que ainda ficou úmido e precisa secar mais, no rosto que ficou sujo de pasta e eu molho a mão para limpar antes de saírem para a escola, no prato do almoço que pode ter arroz, feijão e carne, sem aquele coloridinho que a gente curte… chega a ser hilário, mas mais que a saudade, era essa sensação da falta de controle que me deixou mais tensa no período pré viagem.

Mas trabalhei isso em mim e internalizei que não teria o controle do que aconteceria na minha ausência, porém, tomei algumas providências antes de viajar para que tudo pudesse ficar mais tranquilo, inclusive a minha consciência kkkkkk.

Eu fiz um arquivo bem simples, com as orientações que considero as mais importantes e que, conhecendo meu marido, sei que poderiam ajuda-lo a se organizar melhor.

Listei os seguintes itens:

  • O que não pode faltar em casa – aquelas coisas que as crianças adoram e que tendo em casa ele tem resolvido o café da manhã, o lanche do passeio, o lanche do retorno da escola: banana, maçã, uva sem semente, queijo, ovos, suco e polvilho.
  • Tarefas que não gostaria que ele deixasse de fazer – sabe aquelas coisas que você acaba fazendo e deixa de pedir com o tempo? Foi essa listinha: lavar o nariz, hidratar o corpo depois do banho, pentear os cabelos antes de mandar para a escola, não deixar dormir de cabelo molhado…
  • Café da manhã – como costumo fazer um café da manhã bem variado durante a semana, deixei algumas sugestões de opções rápidas, simples e que as crianças adoram: ovos mexidos, waffle de pão de queijo, queijo, bolinhos da Panela de Duas (sempre tenho congelado), iogurte, frutas, granola…
  • Mochilas: listei tudo que precisa estar na mochila da escola e da natação, para ele ter um checklist e não deixar faltar nada
  • Dias da semana: listei as atividades por dia da semana e deixei as dicas de como agilizar o banho pós aula de natação
  • Passeios: deixei algumas dicas de lanches e mochila para passeios.

Além disso, fiz compra de comida congelada basicamente para meu marido, pois as crianças almoçam e jantam na escola durante a semana, e no dia do meu embarque, como meu voo era só de manhã, fomos ao mercado para deixar geladeira, fruteira e armário abastecidos.

No fim das contas, se eu não tivesse feito nada disso, papai daria conta e faria tudo do seu jeito, mas sei que em um momento de aperto, antes de me procurar, ele iria recorrer ao arquivinho que preparei, e saber que ele tem esse suporte, caso não conseguisse falar comigo, me deixou mais tranquila.

Meus pais estiveram durante um período em casa com meu marido e as crianças e também recorreram às minhas listinhas. Funcionou! Todos se sentiram mais seguros e confortáveis, e em uma próxima oportunidade de viajar sozinha, já que amei a experiência, certamente deixarei meus arquivos impressos de novo!!!!

Beijos – Mari

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.