Hotel Bourbon Foz do Iguaçu: Avaliação da hospedagem em baixa temporada

Há pouco mais de dois anos e meio, no finalzinho da gestação do Yuri, passamos alguns dias no Hotel Bourbon de Foz do Iguaçu. Era feriado de Páscoa, eu estava com um barrigão gigante, a Nina ainda não ficava com recreação de hotel e tivemos uma hospedagem maravilhosa!

Sugiro que você leia o post com minha primeira avaliação, para entender as comparações que farei nesse post.

Bourbon Convention & SPA Resort Cataratas do Iguaçu

Nesse ano, mais uma vez surgiu a oportunidade de usarmos milhas para comprarmos as passagens, um tarifário excelente do hotel, e passamos 7 dias em família no mesmo local: eu, Rodrigo, Yuri, Marina, as duas vovós e os dois vovôs.

Vejam alguns momentos da nossa viagem no vídeo abaixo.

Deu para perceber que, assim como na primeira vez, nossa estadia foi novamente deliciosa né? Mas apesar de termos vivido dias maravilhosos, achei que alguns pontos deixaram a desejar, provavelmente por conta de termos escolhido a baixa temporada, o que considero não justificar algumas “falhas”.

Não são pontos que me fariam descartar o hotel como opção para uma próxima estadia em Foz, mas certamente me fariam avaliar outras alternativas.

Na nossa primeira visita o ponto alto para a Nina foi o Espaço Turma da Mônica e os encontros com os personagens (Mônica, Magali, Cebolinha e Cascão). Dessa vez, o espaço, que Nina e Luli chamaram de “Clubinho” (Luli, na verdade, chamava de Cubinhú…rs), seguiu sendo a paixão dos dois, porém, não aconteceram os encontros com personagens, que fora de temporada não estão no hotel e, mesmo em temporada, é necessário checar os períodos em que as visitas acontecem. Já sabíamos que os encontros não aconteceriam, porém, o “Espaço Turma da Mônica”, incluindo a área do “Brincando de Engenheiro”, passaram boa parte da nossa estadia, de 7 dias, interditados por manutenção. O “Brincando de Engenheiro” passou 4 dias fechado, e o “Espaço Turma da Mônica” passou os mesmos 4 dias com a área da piscina de bolinhas e as casinhas dos personagens também fechados.

Achei um período muito longo, pois os dois pontos estavam entre as principais atrações para crianças. De qualquer forma, os dois aproveitaram tudo que foi possível do que havia disponível nos dois espaços e adoraram!

Por outro lado, o hotel tem um espaço novo que não conhecíamos, o Fun Place, com Boliche, cinema, espaço teen, espaço baby, sala de jogos de mesa e jogos eletrônicos, e até um espaço para festas, muito usado por adolescentes. Achei a área bem bacana!!!!!

Sobre a recreação, quando fomos pela primeira vez a Nina ainda não tinha idade para participar sem o acompanhamento de um responsável, então acabou ficando conosco o tempo todo. Dessa vez ela passou bastante tempo com a recreação e gostou muito, porém, eu achei que as atividades deixaram a desejar, tanto que em alguns momentos ela ficava entediada e pedia para irmos buscá-la, algo que não acontece quando estamos em hotéis com recreações bacanas.

No período em que estivemos lá fizeram dias lindos, de sol, calor, e eu considero que as crianças passavam muito tempo dentro do “Espaço Turma da Mônica” fazendo atividades repetitivas. Acho que o espaço do Zoológico, quadra aberta, parquinho, horta, poderiam ser melhor aproveitados com as crianças. Entendo que por ser baixa temporada o número de monitores é reduzido, os grupos por idades não são separados, mas acho que a estrutura do hotel estava lá, e poderia ser melhor aproveitada.

Em contrapartida, os adultos aproveitaram muito as atividades propostas pelo hotel, algo que usualmente não fazemos. Participamos da escalada, tirolesa e arvorismo, e outras atividades não fizemos porque acabamos perdendo a hora…rs. Mas foi muito bacana poder curtir também, já que tínhamos todos os avós conosco, o que nos permitiu um bom revezamento nos cuidados com as crianças e diversão para todo mundo.

Na nossa primeira estadia usamos muito a piscina aquecida, pois o tempo não estava quente o suficiente para usarmos a piscina externa, além de ter chovido alguns dias. Usamos novamente a piscina aquecida, mas não com a mesma frequência.

Dessa vez, usamos a piscina externa todos os dias, tendo a vantagem do hotel estar com baixa ocupação, o que nos permitiu aproveitar com mais liberdade e privacidade.

Agora é uma pena a piscina infantil, com uma estrutura super bacana, mas com a água congelante! Não tinha com ficar por lá :-( Vovó e vovô que encaravam um pouquinho para fazer a vontade das crianças, mas a água era muito fria! Por ser uma piscina PARA crianças, eu considero que deveria ter um sistema de aquecimento.

Sobre a comida, permanece muito gostosa e com uma ótima variedade, porém, fiquei um pouco decepcionada com o fato de não oferecerem almoço para as crianças que estavam com a recreação e nem o lanche da tarde. Especialmente por ser baixa temporada, com um número reduzido de crianças, eu acredito que um hotel desse porte poderia incluir essas duas refeições para os pequenos. O que era incluso era uma refeição a la carte do menu kids para crianças até 5 anos, ou seja, precisei pagar o almoço da Nina todos os dias.

Para o lanche da tarde, todos os dias eu montava uma lancheira com itens do café da manhã e garantia um lanchinho para as crianças. Tinha a copinha com frutas, iogurte, leite e cereais disponíveis o tempo todo, mas para comer todos os dias acabava sendo enjoativo.

A minha avaliação geral é de que o hotel é muito bom. Bom serviço, boa comida, quartos limpos, manutenção bem feita, mas não poderia deixar de comentar sobre esses pontos que acredito que precisem ser melhorados.

Se ficar alguma dúvida sobre o hotel, as instalações e os serviços, é só deixar um comentário.

Beijos – Mari

Deixe seu comentário