Receitas de Pratos Orientais Quentes

Na última sexta-feira recebemos um casal de amigos em casa para um jantar despretensioso. Eu não tinha decidido se faria alguma coisa ou se pediríamos alguma coisa. Na véspera fui fazer um check na geladeira, como sempre faço antes de receber visitas, para ver se tinha algo a ser aproveitado. Foi quando tive a ideia de fazer algumas receitas de pratos orientais quentes.

Tem coisa que não é lá bem oriental, mas o clima, no geral, foi esse. E foi um sucesso! Conversamos, comemos super bem, não sobrou praticamente nada (e tinha bastante comida) e achei que valia a pena compartilhar as receitinhas com vocês, já que foi tudo muito fácil!

Arrumei ma mesa com tudo que já tinha em casa e a noite estava feita!

ENTRADAS FRIAS

Além das duas receitas abaixo, servi amendoins japoneses também, que são facilmente encontrados em lojas de produtos orientais.

Patê de atum com bolachinhas salgadas

Ingredientes

1 lata de atum sólido

1 colher de sopa de maionese

Pimenta do Reino moída na hora

Ervas frescas a gosto (usei um punhadinho de orégano, tomilho e salsinha, tudo colhido na minha hortinha)

Modo de Preparo

Misture todos os ingredientes em uma vasilha, amassando o atum. Sirva com pães, torradas ou biscoitos salgados

Carpacio de Abobrinha

Ingredientes

1 abobrinha

1/2 limão tahiti

Azeite, Sal e Pimenta do Reino a gosto

Salsinha fresca

Folhas de Hortelã

Modo de Preparo

Fatie as abobrinhas bem fininhas com um mandolin. Regue com o suco do limão (se o limão estiver com pouco suco, use um limão inteiro), azeite, tempere com sal e pimenta do reino moída na hora. Salpique salsinha fresca picada e algumas folhas de hortelã. Fica super refrescante e muito saborosa!

ENTRADAS QUENTES

A única coisa que comprei pronta foi o Guioza de carne suína. Compro em um hortifruti próximo à minha casa e é só grelhar em uma frigideira com azeite. Finalizei salpicando cebolinha e servi com um molho de Guioza comprado pronto também.

Resultado de imagem para molho para guioza

Shimeji na Manteiga com Shoyu

Ingredientes

2 colheres de sopa de manteiga

500 gramas de shimeji limpos

01 colher de sobremesa de açúcar

01 colher de sopa de saque

03 colheres de sopa de shoyu

Sal a gosto

Cebolinha para finalizar

Modo de Preparo

Derreta a manteiga e acrescente o shimeji. Quando reduzir de volume e estiver macio, acrescente o açúcar e o saque. Após 1 ou 2 minutos o saque vai evaporar um pouco. É a hora de acrescentar o shoyu e o sal, se necessário. Para finalizar, salpicar cebolinha. Forrar um bowl ou travessa com papel alumínio, fechar como uma trouxinha e servir quente.

Tofu na Manteiga com gengibre e shoyu

Para quem não gosta de tofu, por achar que é muito sem graça (eu, sinceramente acho), essa é uma opção que o deixa bem picante e saboroso!

Ingredientes

Pedaços de tofu cortados em retângulos ou quadrados

1 colher de sopa de Manteiga

1 pedaço equivalente a 1 dente de alho de gengibre ralado

Sal e Pimenta do Reino a gosto

2 colheres de molho shoyu

Cebolinha

Modo de Preparo

Derreta a manteiga em uma frigideira e disponha os pedaços de tofu. Deixe dourar dos dois lados (minha frigideira foi uma péssima escolha e as casquinhas douradas ficaram todas grudadas, mas mesmo assim ficou ótimo, com a casquinha fica melhor ainda!). Disponha em um prato, salpique sal e pimenta do reino. Coloque um pouquinho de gengibre ralado sobre cada pedaço. Regue com molho shoyu e salpique cebolinha

PRATO PRINCIPAL

O prato principal foi arroz japonês (o famoso gohan) e tirinhas de contra filé com moyashi e vagem ao molho oriental. O ideal é fazer com filé mingon ou alcatra, mas quando comprei a carne não tinha nenhuma das duas no açougue. Ficou bem macia e saborosa com o contra filé também! É só pedir para fatiar tiras bem fininhas.

Ingredientes

1 cebola picada em pedaços médios

3 dentes de alho cortados em lâminas

1 pedaço de gengibre cortado em lâminas

500 gramas de carne cortada em tirinhas (filé mingon, alcatra, contra filé)

1 pacote pequeno de moyashi (broto de bambu)

200 gramas de vagem cortadas em tiras

Azeite de Oliva

Sal e Pimenta do Reino

Cebolinha

Óleo de Gergelim

 

Para o molho

6 colheres de sopa de molho shoyu

2 colheres de sopa de saque

3 colheres de sopa de vinagre de arroz

9 colheres de sopa de água

1 colher de sopa de açúcar

1 colher de sopa de amido de milho

Modo de Preparo

Aqueça o azeite em uma frigideira e refogue a cebola. Quando começar a mudar de cor, acrescente o alho e o gengibre. Quando o azeite estiver perfumado, acrescente a carne e deixe com a tampa aberta até dourar dos dois lados.

Acrescente a vagem e deixe a panela tampada, em fogo baixo, por 5 – 7 minutos, para dar uma leve cozida. Ela vai continuar cozinhando quando os outros ingredientes forem acrescentados, e a ideia é que ela fique al dente.

Enquanto isso, misture os ingredientes do molho em um refratário.

Acrescente o moyashi na carne com a vagem e aguarde murchar.

Acrescente o molho e mexa até engrossar um pouco. Acerte o sal e coloque um pouco de pimenta do reino moída na hora. Desligue o fogo, regue com uma colher de sopa de óleo de gergelim e cebolinha. Se desejar, salpique também gergelim tostado.

São opções bem fáceis! Tenho certeza que quem fizer vai gostar.

Beijos – Mari

Deixe seu comentário

2 comentários

  1. Priscila Mello comentou:

    Mari,
    Mais uma vez parabéns pela praticidade! somos bem parecidas nesse ponto, rs.
    A cozinha oriental de uma maneira em geral é bem prática né, eu faço bastante uso delas no meu dia a dia. e Como elas me salvam, um gohan, uma salada bacana e uma omelete e voilà esta pronto um almoço / jantar SABOROSÍSSIMO!
    Gostei muito da variação do tofu, pq aqui é tofu quase que a semana inteira, entre saladas e sopa de missô.
    Mais uma vez parabéns! acho muito legal ver como essa INTERAÇÃO na internet nos aproxima e nos proporciona conhecermos pessoas tão legais e tão parecidas conosco.