Cadeira para Carro Safety & Confort da Tutti Baby

Um pouco antes do Luli completar 1 ano, ele começou a ficar desconfortável no bebê conforto. Ele nunca foi aquele bebê que amou andar no bebê conforto, que era só entrar no carro e dormir. Não, pelo contrário, sempre reclamou, chorou, relutou. Mas perto do primeiro ano o incômodo parecia ser maior, e foi quando passei a cadeirinha que a Nina estava usando para ele – a Eletta da Chicco – e comprei outra para ela, a Safety & Confort, da Tutti Baby.

Tutti

Vejam as especificações técnicas da cadeira:

Manual

O critério de seleção foi, basicamente, o preço. A ideia era algo para o transporte do dia a dia, basicamente ir e voltar da escola, que não chega a dar 5 minutos de casa. Para passeios mais longos ou viagens, colocamos as duas Eletta no carro, já que ela ainda acomoda bem a Nina, pois é indicada para crianças de até 18 kg, e a Nina ainda tem 15kg.

No fim das contas compramos mais uma, para deixar uma em cada carro, e mesmo para passeios um pouco mais longos, ela tem atendido bem, apesar de não ter a mínima comparação, em termos de conforto, com cadeiras como a Eletta.

O principal inconveniente dessa cadeira é ela não reclinar o que, consequentemente, deixa a cabeça da criança pendurada quando ela dorme. E a Nina ainda dorme bastante no carro. Para passeios mais longos, dentro de SP mesmo, ela já chegou a passar mal e vomitar duas vezes, pois essa posição ereta não colabora muito.

Por outro lado, ela é absurdamente prática e super leve! Quando precisamos tirar e colocar no carro é um sossego. A criança fica presa no próprio cinto de segurança do carro, porém, no caso da Nina, o cinto fica pegando no pescoço, então, tivemos que colocar um protetor de cinto, que resolveu o problema. Porém, fique atento à esse ponto, pois descobri só depois, que quando o cinto pega no pescoço, o modelo não é o mais adequado para a criança :-(

No fim das contas, como pagamos um preço muito bom (R$ 80,00 no site do Extra), e temos a Eletta para passeios mais longos, valeu a pena. Então, minha opinião é: se a criança passa muito tempo no carro e costuma dormir nos trajetos, não é um modelo legal, ela ficará bem desconfortável. Se for para passeios rápidos, o custo benefício é ótimo, considerando a praticidade.

E aproveitando o post, vamos relembrar como as cadeirinhas são divididas, para saber qual o momento adequado de trocar o modelo? ((Informações enviadas pela assessoria de imprensa da Tutti Baby):

Grupo de massa O : de 0 kg até 10 kg, altura aproximada de 0,72m, até 9 meses

Grupo de massa O+: de 0 kg até 13 kg, altura aproximada de 0,80m, até 1 ano

Grupo de massa I – de 9 kg até 18 kg, altura aproximada de 1m, até dois anos e oito meses

Grupo de massa II – de 15 kg a 25 kg, altura aproximada de 1,15m, até cinco anos

Grupo de massa III – de 22 kg a 36 kg, altura aproximada 1,30m, até 10 anos.

Considerando o grupo da cadeirinha que você utiliza, verifique a forma correta de instalação (Informações enviadas pela assessoria de imprensa da Burigotto):

Para crianças até 13kg – deve ser instalada no banco traseiro, presa pelo cinto de segurança de 3 pontos do automóvel, de costas para o movimento do veículo. O bebê deve estar preso pelo cinto da cadeira bem ajustado na altura dos ombros e também deve ser ajustada ao corpo da criança com um dedo de folga.

Para crianças de 9 a 25kg – voltada para a frente, no banco traseiro presa pelo cinto de segurança de 3 pontos do auto. O bebê deve estar preso pelo cinto da cadeira bem ajustado na altura dos ombros e também deve ser ajustada ao corpo da criança com um dedo de folga.

Para crianças de 15 a 36kg – no banco traseiro com cinto de segurança de 3 pontos. A cadeira de segurança ou assento para auto faz com que o cinto de 3 pontos do carro passe sobre os quadris e no centro do ombro e do peito. O uso da cadeira ou do assento de elevação é necessário até que a criança atinja 1,45m de altura.

Tem alguma dica de uma cadeirinha confortável para as crianças acima de 15 kg? Deixe um comentário.

Beijos – Mari

Deixe seu comentário