Eu e Minhas 32 Semanas de Gestação

Gente!!!! Voltei, voltei, voltei!!!!!

Afe, que saudades que eu estava de escrever aqui!!!!! Acho que desde que criei o blog nunca passei tanto tempo ausente. As últimas semanas foram intensas. Foi trabalho intenso no escritório + viagem + chá de bebê + móveis e apetrechos do quarto das crianças chegando + barriga que não pára de crescer + tudo que já faz parte do meu dia a dia e continuou rolando.

Não teve jeito, para não ficar esgotada e nem estressada, tive que optar por deixar algumas coisas de lado. Como sabia que essa doideira teria prazo para terminar (apesar de não ter passado completamente ainda), optei por dar uma pausa em algumas coisas de casa (tipo meus cardápios semanais que estão me fazendo uma P&%$# falta) e no blog.

Mas cá estou eu de volta!!!! Uhuuuuuuuuuuuuuuuu!!!! E hoje vou falar como anda essa reta final da espera pelo Luli, Lulinho, Bebezinho, Amôli, Gordines, Fofucho, Menininho, ah, e conhecido como Yuri também… hehehehehehe.

Na sexta-feira passada eu tive consulta com minha GO e saí do consultório suuuuuuper feliz!!!! Eu contei que havia engordado 4 kg até o quinto mês, dei uma relaxada boa, já que estava engordando pouco mesmo, aí engordei mais 4 kg em um mês só, tomei uma carcada gostosa da médica, voltei a seguir o cardápio que minha nutri passou e que eu tinha dado um chega pra lá (rebelde), e nesse último mês engordei só 1 quilinho!!!!!! Totalizei 9 kg no total e depois que vi que meus esforços surtiram efeito, continuo cuidando da alimentação para me manter bem até a chegada do Luli.

Parte dos desconfortos continuam, mas o principal agora é o peso da barriga. Como pesa!!!! Esses dias uma amiga no trabalho me disse: “nossa Mari, se não fosse o jeito que você está andando, de costas nem dá para perceber que você está grávida!”… ok, foi um jeito sutil de dizer: “nossa Mari, você está andando como uma pata choca!”

Pois é, é assim que me sinto, uma pata choca! As pernas não fecham mais enquanto ando, a barriga não deixa, ficar muito tempo sentada incomoda, muito tempo em pé incomoda, de barriga pra cima incomoda, de lado incomoda, mas apesar de achar posição ser algo cada vez mais difícil, me sinto disposta e nem lembro como é viver sem carregar essa pança por aí. Eu adoro minha pancinha gente! Sábado que vem tenho ultra e estou bem curiosa para saber o peso e tamanho do meu Gordines, porque na última que fizemos, com 26 semanas, ele já estava com quase 1,3 kg e não lembro os centímetros, mas eram medidas de um bebê de 28 semanas!!!!! O que não significa que necessariamente ele nascerá antes da data prevista de parto (09/06), mas meu instinto materno me diz que lá para meados de maio meu pituco vai dar o ar da graça por aí.

Ainda tenho coisinhas para fazer: terminar o quarto, lavar roupinhas, organizar as fraldas do chá de bebê que rolou ontem (foi uma delícia e logo o post sai), montar mala de maternidade, ver o que preciso comprar para eu levar na maternidade, esterilizar coisinhas para os primeiros dias… acho que é isso. Gostaria de deixar tudo prono até o final deste mês, para poder curtir mais tranquila o finalzinho de gestação. Vamos ver se vai rolar.

Minha expectativa é trabalhar até o final, para curtir o máximo de tempo possível com o Luli comigo. Como a Nina nasceu 22 dias antes da data prevista, eu trabalhei até o último dia. Vamos ver se a história se repete dessa vez. Em Maio vou começar a fazer home office com mais frequência para me poupar e tentar levar assim até o finalzinho.

A Nina está um chamego só com o irmão, mas vira e mexe, quando percebe que o foco está muito na barriga, não curte muito não. Aí tentamos mudar o foco, dar um cheirinho e fazer uma graça com ela e logo tudo volta ao normal. Tenho contado uma historinha sobre a “Família da Nina” que ela amaaaaaaaaaaaaaaaaaa! Começa desde quando conheci o papai, o namoro, casamento, gravidez, nascimento da Nina, Nina crescendo, gravidez do Yuri, nascimento do Yuri, Yuri crescendo e todos vivendo felizes para sempre. Ela adora!!!! Só que por conta dessa história, ela cismou de querer vir morder minhas peitcholas (por cima da roupa mesmo) dizendo que vai mamar igual bebezinho. Tenho levado na brincadeira, mas já estou até vendo o que me espera quando o Yuri nascer.

Sobre o parto, ainda não decidi. A verdade é que nas últimas semanas nem tive muito tempo para pensar em nada que não fosse os compromissos que estavam rolando. Os comentários, e-mails e mensagens que recebi sobre o post do parto normal foram muito bacanas! Estou tendendo a querer o parto normal ainda, mas pode ser que ainda mude de ideia. Vamos ver as cenas dos próximos capítulos.

Tenho muito, muito, muito, muito assunto para falar aqui para vocês: viagem para Foz, sessão de fotos do barrigão, chá de bebê do Luli, coluna da Neima, dicas de fornecedores e produtos muito bacanas, posts sobre os tamanhos das roupinhas para enxoval, quarto da Nina, quarto do Luli, drenagem linfática para gestantes… e mais um monte de coisas que anotei e não lembro de cabeça agora.

E hoje fico por aqui com essa foto da Karim Scharf que dispensa legendas né? A sessão ficou linda, linda, linda! Não vejo a hora de mostrar para vocês!!!!!

IMG_4586

Beijos!!!!!!! Mari

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

3 comentários

  1. Liana comentou:

    Que bom que voltou!
    amo seus posts…
    bjokas

  2. Tati comentou:

    Mari que bom que voltou!!!
    Espero que voce ainda escreva muitos posts antes do LUli nascer!!!
    Voce Esta linda!!!!

  3. Nina Siqueira comentou:

    Estava com saudades!!! :)