Coluna da Neima: Bourbon Atibaia Convention & Spa Resort

Quem nos segue no Instagram (@neimaby) viu que há algum tempo passamos um final-de-semana no Bourbon Atibaia. É um hotel estilo “resort” do grupo Bourbon, que tem hotéis espalhados pelos Estados de SP, RJ, PR, SC, e também Paraguai e Argentina.

foto início

Combinei com o marido de aproveitarmos alguns dias para descansar antes da chegada do segundinho, já que depois as viagens devem demorar um pouco pra acontecer. Nossa ideia é passar alguns finais-de-semana estendidos (3 ou 4 dias) em lugares legais (campo, praia), pra fugir da loucura que é morar em SP e pra curtir um pouquinho o Gustavo enquanto ele ainda é filho único.

Escolhi esse hotel por indicação da minha irmã, que já tinha ido anteriormente e que me disse que era um lugar com uma boa estrutura pra crianças. Eu queria um lugar onde o Gu pudesse se divertir e onde eu pudesse descansar (ou seja, sem ter que cozinhar, arrumar a bagunça depois da brincadeira etc.). Apesar da previsão de muita chuva no fim-de-semana em que tínhamos a reserva, não caiu uma gota sequer enquanto estávamos lá, e pudemos aproveitar bastante!

foto 1 (1)

Uma parte do lobby

Chegamos lá no sábado à tarde e fomos embora na segunda após o almoço. Conseguimos o late check-out (com saída às 15h00 ao invés de 12h00), algo que sempre peço e que tenho a sorte de ser atendida, rs. Esses três dias foram suficientes pra recarregar as energias e já começar a pensar na próxima viagem J.

O hotel fica bem perto de SP (a 50 km), na Rodovia Fernão Dias. O acesso é bem fácil. Existem 4 opções de quartos (Superior, Premier, Suíte Classic e Suíte Presidencial). Os apartamentos destinados a hóspedes com crianças são os “Superior” (do 1º ao 10º andar). Nós ficamos no 1º andar porque é o andar com quarto do tipo “antialérgico” (carpete de madeira e enxoval sem aqueles cobertores felpudos – sim, sou fresca :p e tenho horror a esse tipo de cobertor. E todo mundo aqui em casa é alérgico. O quarto é bem espaçoso e tinha 2 camas tamanho “queen”, além de escrivaninha, poltrona e cômoda e guarda-roupas bem grandes. Pedimos um berço, mas nem usamos, pois o marido dormiu com o Gu numa das camas (o hotel forneceu uma daquelas gradinhas laterais de proteção) e eu me esparramei na outra, rs. O banheiro tb tem um tamanho bom, porém não tem “chuveirinho” na ducha. Vc pode pedir uma banheira se o seu bebê utilizar, mas como o Gu toma banho no chuveiro nós não pedimos. Todos os apartamentos têm isolamento acústico, telefone, TV a cabo, frigobar, cofre, varanda.

foto 2 foto 3 (1)

Quarto e berço. Atentem para o protetor, que não é daqueles fofudos e que representam um perigo enorme para os bebês.

Por se tratar de um hotel estilo “resort”, o esquema é de pensão completa (café-da-manhã, almoço e jantar incluídos no valor da diária) no Restaurante Food Court (esquema buffet). O hotel ainda tem outros espaços gastronômicos (Cave Bistrô, Dom Gaetano, Sushi, Lobby Bar Pedra Grande e bares nas piscinas), mas não fomos em nenhum deles. Aos finais-de-semana existe um buffet especial para crianças, com horário diferenciado tb. A comida tinha opções saudáveis (arroz integral, feijão, saladas, frutas e carnes não fritas), mas tb tinha batatinha, salsicha, nuggets e doces. Já o buffet dos adultos tinha uma variedade imensa, com opções para todos os gostos. Ah, bebidas não alcóolicas também estão no pacote (se pedidas durante as refeições).

foto 4 (1)

Programação gastronômica

Para os bebês existe uma “copinha” no mezanino, com funcionamento 24h. Lá havia cadeirões, micro-ondas, fogão, utensílios variados (panelas, liquidificador, mixer, todo o necessário para quem quisesse cozinhar), esterilizador de mamadeiras e chupetas e esponja e escova para higiene (as esponjas estavam limpíssimas, mas a escova, apesar de limpa, quase não tinha cerdas – eu sempre levo uma de casa para lavar os copos do Gu). Além disso, havia bolachas (maisena, cream cracker e suas variações), leite Ninho de todos os tipos, frutas, iogurte e leite de soja (Ades). À noite era servida uma sopinha para bebês que ainda não mastigam. Havia também um cardápio de “papinhas” com consistência à escolha do freguês ao custo de R$ 12,00 cada.

foto 5

Geral da copinha

foto 6 (1)

Pia e alguns utensílios

foto 7 (1)

Gu no cadeirão

foto 8 (1)

Variedade de leite tipo “Ninho” e biscoitos

Sobre a estrutura do hotel, ele é imenso: muitas opções de lazer e esporte (várias quadras de tênis, ginásio esportivo, academia, arco-e-flecha, campos de futebol, paintball, piscinas climatizadas e não-climatizadas, paredão de escalada, arborismo, trilha ecológica, spa L’Occitane e um spa kids). Para crianças maiores de 3 anos, há uma equipe de recreação disponível. Para os bebês, há serviço de babás (não usamos).

foto 9 (1) foto 10 (1) foto 11 (1)

Há vários espaços de entretenimento para crianças: uma horta (Espaço Chico Bento), uma sala de jogos eletrônicos (estilo Hot Zone, mas em proporções menores) e o Espaço da Mônica, com atividades para os pequenos – pintura, quebra-cabeça, escorregador etc. tudo sempre com monitores à disposição, caso os pais se sintam à vontade para deixar os pequenos. Uma coisa que me agradou foi a disponibilidade do serviço do hotel, todos os funcionários são muito educados e prestativos – o que é válido em qualquer circunstância, mas quando se tem crianças, é ainda mais importante.

foto 12 (1)

foto 13 (1)

foto 14

Comendo um bolinho de fubá na horta

foto 15 (1) foto 16 (1) foto 17

Para os que não sobrevivem sem wifi, fiquem tranquilos! Ele está disponível gratuitamente no hotel todo, e surpreendentemente, funciona.

Pra quem procura um espaço perto de SP pra descansar com comodidade, eu recomendo sim. Foram dias muito agradáveis, e só não foi um fim-de-semana perfeito porque logo no primeiro dia eu quebrei o celular (por isso que o Gu está com a mesma roupa nas fotos, ahahah).

Bjs e até a próxima! Neima

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

7 comentários

  1. kamila farhat comentou:

    Mari, Neima,

    Estive no bourbon em abril desse ano e certamente voltarei. concordo com todos os comentários.

    Neima, faltou foto do trenzinho.. rsrs foi o que o rafa mais curtiu. já tava quase indo sozinho…

    só uma dica pra quem quiser se hospedar com a família, é de perguntar se no período de sua estadia não haverá convenções de empresas muito comum por lá. embora como o hotel é imenso, não vejo problemas, mas tive amigos que não curtiram muito. vai de cada um.

    bjosss

  2. Neima comentou:

    Oi, Ka!

    O Gu amou o trenzinho tb. Tanto que demos muuuuitas voltas, ahahaha. Mas eu sou a fotógrafa da família e o meu celular quebrou logo no primeiro dia, então não tinha nenhuma foto legal pra colocar aqui:(((

    Muito boa a sua observação quanto às convenções. Eu acho que não gostaria de estar no hotel quando elas acontecem.

    Vc tem alguma dica de hotel em praia?

    Bjs!

    1. kamila farhat comentou:

      Até hoje não fui em nenhum hotel em praia com o Rafa acredita !

      mas, aproveitando, o que recomendo de olhos fechados é o hotel fazenda Mazzaropi em taubaté.

      certeza que o gú vai amar ! se te interessar te marco em umas fotos no Insta.

      bjos

      1. Neima comentou:

        Oi, Ka, pode me marcar sim!
        Bjs e obrigada pela dica:)

  3. Tatiana Ferrari comentou:

    Olá! Por favor, poderia colocar a receita do Filé de St Peter para nós? Minha minha filha quase não come peixe porque não consigo fazê-lo cozido como vc! Obrigada!

    1. Neima comentou:

      Tatiana, eu não tenho receita. O que eu faço é uma “caminha” de azeite, cebola e tomate no fundo da panela. Por cima acomodo o peixe, ervas, sal, pimentA-do-reino e suco de limão. Às vezes coloco mais tomate e azeite por cima tb. Aí, tampo a panela e como o tomate faz bastante caldo, o peixe cozinha rapidinho (fogo baixo).
      espero que ajude!
      Bjs!

  4. Tatiana Ferrari comentou:

    Obrigada neima! Vamos testar!